5 dicas de como valorizar seu carro na hora de vender

30 de julho de 2018 - Por

valorizar-carro-usado

quem ama, compartilha!

Se você pensa em vender o seu carro, é importante seguir alguns passos para valorizá-lo. Afinal, você não vai querer vendê-lo por um valor muito abaixo do que pagou. Para isso, é fundamental cuidar bem do seu veículo durante todo o tempo de uso e prepará-lo para o dia da venda.

Alguns cuidados simples no dia a dia, como não deixar o carro na chuva ou exposto ao sol durante muitas horas, contribuirão para quando você decidir vendê-lo. Além disso, você precisará saber o quanto cobrar para atrair mais compradores e conseguir fechar o melhor negócio.

“Para calcular o valor do carro, leve em conta o ano de fabricação, o tipo de motor e de combustível, a quilometragem e o modelo do veículo. Quando se trata de compra e venda de automóveis, o mercado sempre considera a Tabela FIPE, que é uma referência nacional de preços de carros usados e tem como objetivo padronizar o mercado automobilístico”, comenta Gustavo Fonseca, fundador do aplicativo Doutor Multas.

Para te ajudar a conseguir o melhor valor possível, trouxemos 5 dicas de como valorizar o seu carro na hora de vender. Confira!

1 – Faça revisões regularmente

Assim como a gente precisa cuidar da saúde regularmente, é fundamental que você faça revisões no seu carro com frequência. Isso será um bônus na hora de negociar o veículo com um possível comprador, já que mostrará o quão zelosa você foi para que ele estivesse em boas condições. Lembre-se sempre de guardar os comprovantes dessas manutenções!

2 – Mantenha os equipamentos e peças originais

Você é do tipo de motorista que adora customizar o veículo e deixá-lo do seu jeitinho? Não há problema nenhum em fazer isso, mas lembre-se de usar as peças originais. Anunciar um carro com os equipamentos de fábrica apenas o valorizará frente aos outros modelos – e isso inclui a chave reserva e o manual de instruções!

“Geralmente, os itens que não são originais tendem a ser desvalorizados. Para que você consiga vender o veículo mais rápido, o recomendado é tirar todas as customizações feitas, como adereços, rodas grandes e engates”, pontua Fonseca.

3 – Cuide bem da lataria

Principalmente em grandes centros urbanos, é comum ver carros com pequenas avarias na lataria – seja de um pequeno arranhão a um amassadinho. Por menores que sejam, é imprescindível que, ao decidir vender o automóvel, esses danos sejam reparados.

vender-carro-usado

4 – Preserve o estofado

Tem crianças na família ou adora levar o seu pet para passear de carro? Isso pode ajudar a acelerar o desgaste natural do estofamento, principalmente em relação a líquidos e possíveis rasgos no tecido dos bancos. Por isso, tente ao máximo preservar o estofado original do veículo. Para isso, limpe-o com frequência, aspire aquelas sujeirinhas que sempre aparecem e procure lavá-los a seco com regularidade.

Caso você tenha bancos de couro, lembre-se de passar produtos específicos de hidratação, para que o tecido não fique ressecado e venha a rachar.

5 – Saiba como negociar

Depois de se preocupar com todos esses cuidados, chegou o momento de colocar o seu carro no mercado. Para isso, é fundamental construir um bom anúncio, que valorize os melhores aspectos do seu veículo e que chame a atenção dos compradores. Procure sites especializados e invista em tirar boas fotos. Aqui, aplica-se aquele ditado: a primeira impressão é a que fica. Um carro bem cuidado passa uma imagem de zelo da proprietária, portanto, valoriza mais o produto.

Neste momento, também é importante colocar na ponta do lápis quanto custará toda a transferência do veículo e quais documentos serão necessários, para que o processo de venda seja mais rápido. Atente-se também à sua segurança no momento da negociação: evite marcar visitas com os interessados na sua residência e faça todas as transações por vias bancárias. Assim, você evitará golpes de pessoas mal-intencionadas.

Fotos: Fotolia

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Gabriella Bertoni
Gabriella Bertoni
Repórter, produz matérias para o Finanças Femininas. Apaixonada por livros e por contar histórias, é recém-chegada em São Paulo e ainda está completamente perdida, mas adorando a cidade.
Fale comigo! :) gabriella@financasfemininas.com.br

Leia em seguida

economia-combustivel

30 de maio de 2018

A falta de gasolina por conta da greve prejudicou muitos motoristas. Mas optar pelo GNV (Gás Natural Veicular) pode ser uma boa opção para não ficar sem carro. Confira!

carro_novo_usado

8 de maio de 2017

Se você está na dúvida entre um carro novo ou usado, confira como tomar essa decisão de forma consciente.

aluguel-compartilhamento-carro

27 de outubro de 2016

Compartilhamento de carros permite economia de até 35% em relação a locadoras tradicionais. Veja como o sistema ajuda a economizar e ganhar renda extra.

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas