5 ideias para passar o Réveillon com pouca grana

8 de dezembro de 2015 - Por

reveillon-sem-grana

quem ama, compartilha!

Depois de um ano de crise, é melhor adiar a viagem de Réveillon se estiver sem grana! Os brasileiros vêm reduzindo os gastos no exterior ao longo do ano, sendo que a grande queda, de 47%, foi registrada em setembro, de acordo com o Banco Central. E a tendência é que continuem a diminuir as despesas, pois, de acordo com um levantamento da Skyscanner, é possível economizar 57% viajando fora dos feriados.

E nem mesmo as viagens que se limitam as fronteiras brasileiras são opção. Ainda segundo a Skyscanner, as passagens aéreas para destinos nacionais ficam 53% mais baratas fora dos feriados de fim de ano.

Mas nada de entrar em desespero e declarar a sua noite de Réveillon fracassada! Quem está decidida a passar a virada sem sair da cidade, ainda pode ter boas opções de diversão. Confira nossas dicas:

1. Se informe sobre a programação da sua cidade…

Procure nas redes sociais ou nos jornais locais quais atrações a prefeitura da sua cidade (ou de alguma cidade vizinha) oferecerá para a noite de Réveillon. Assim você poderá conferir um show ou festas super bacanas na faixa!

2. …E continue explorando a sua cidade!

Será que você conhece mesmo todos os pontos turísticos da cidade onde mora? A folga do primeiro dia do ano pode servir para fazer programas diferentes e explorar lugares que você ainda não conhece.

Se prepare para uma tarde de fotografias ou uma boa caminhada naquele parque que você passa todos os dias do ano, mas nunca com tempo para apreciar a vista.

reveillon-sem-grana

3. Faça sua própria festa com os amigos

Receba seus amigos para uma noite de Réveillon inesquecível… E colaborativa! Organize listas de pratos e bebidas para a ceia para que cada um fique encarregado de preparar e levar para a festa. Distribua também outras funções como a decoração, a criação de uma playlist para a festa ou ainda a ajuda para limpar tudo no dia seguinte.

Não esqueça de posicionar um telão ou uma televisão num ponto estratégico para que todos possam acompanhar a contagem regressiva para a virada.

4. Já pensou em acampar?

Faça as malas e veja o céu da virada de outra forma, acampando. Tome todos os cuidados necessários, pesquisando bons lugares e equipamentos necessários para segurança na trilha e no local escolhido. Mais uma vez, conte com a colaboração de amigos para planejar tudo e economizar.

5. Passe o ano novo com a família

Este é um bom ano para aceitar os convites que sempre recebe de seus familiares para passar o Ano Novo na casa deles. Assim, o encontro com a família que sempre acontece no Natal pode ser estendido para mais alguns dias!

Fotos: Shutterstock

Gostou do nosso conteúdo? Então clique aqui e assine a nossa newsletter!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Avatar
Karoline Gomes

Leia em seguida

produtos-importados-dicas-para-fazer-compras-online

14 de agosto de 2019

A grande variedade de produtos e os preços baixos incentivam as compras em sites chineses e norte-americanos. No ano passado, 23,1 milhões de brasileiros fizeram compras internacionais, segundo a pesquisa da Ebit, especializada em avaliar a reputação das lojas online. O chinês AliExpress é o favorito entre 51% dos consumidores brasileiros, seguido dos norte-americanos Wish […]

crediario-ainda-e-utilizado-para-parcelar-compras-indica-spc

8 de agosto de 2019

O crediário ainda é a opção favorita de 30% dos consumidores para o pagamento de compras, apesar da popularização do cartão de crédito. Esse dado é do levantamento realizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). As instituições entrevistaram 805 pessoas que utilizaram o famoso carnê, boleto […]

independencia-financeira-violencia-domestica-feminicidio

7 de agosto de 2019

A independência financeira ajuda na luta contra a violência doméstica pois permite à mulher fazer mais escolhas. Carol Sandler explica essa relação.

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas