Bolsa se descola do exterior e fecha em alta; dólar acumula alta de 5% na semana

19 de junho de 2020 - Por

Bolsa se descola do exterior e fecha em alta; dólar acumula alta de 5% na semana

quem ama, compartilha!

Este texto faz parte da cobertura do Finanças Femininas para traduzir o que está acontecendo com o mercado financeiro durante a pandemia do coronavírus. Ajudamos você a se informar com uma linguagem simples, sem economês e sem pânico!

Ibovespa: +0,46% (96.572 pontos)

Dólar: -0,99% (R$ 5,31)

Casos de coronavírus: 1.009.699 confirmados e 48.427 mortes*

Resumo:

  • Novos recordes de coronavírus nos Estados Unidos e fechamento de 11 lojas da Apple azedam humor das bolsas estrangeiras, mas Ibovespa se descola e fecha a 4ª alta consecutiva;
  • Brasil bate 1 milhão de casos confirmados de coronavírus;
  • dólar acumula alta de mais de 5% na semana;
  • inflação oficial para 2020 será de 1,8%, projeta Ipea;
  • programa que facilita crédito a pequenas empresas deve começar em julho, diz presidente do BNDES;
  • Caixa libera consultas de data e valor dos novos saques do FGTS por app e internet banking nesta sexta.

O último pregão da semana consagrou a 4ª alta consecutiva na Bolsa de Valores. Esta sexta-feira foi embalada pelo bom humor global causado pela expectativa de que China e Estados Unidos cumpram a “fase 1” do acordo comercial, que envolve compras de soja, milho e etanol estadunidenses pelo asiático (segundo fontes da Bloomberg).

A informação, junto aos estímulos de bancos centrais ao redor do mundo – conforme contamos aqui – serviram de gás para os investidores tomarem mais riscos, ajudando as bolsas globais a seguirem em alta.

Até que, um pouco depois do almoço, circulou a notícia de que os estados do Arizona e Flórida, nos Estados Unidos, voltaram a registrar recordes de casos diários de coronavírus, levando a Apple a anunciar o fechamento de 11 lojas. O fantasma da segunda onda do coronavírus azedou o humor dos investidores, fazendo o nosso Ibovespa desacelerar. No entanto, o índice resistiu, descolou-se do exterior e fechou no positivo.

Por aqui, as notícias da doença seguem na mesma linha: o Brasil bateu 1 milhão de casos confirmados de coronavírus – marca que apenas os EUA ultrapassaram – em apenas 4 meses. No estado de São Paulo, as regiões do Vale do Ribeira e de Marília voltaram a ter que fechar o comércio não-essencial devido à piora nos indicadores de saúde.

Na semana, o Ibovespa acumula alta de 4,07%. Já o dólar tem acumulado de 5,41% no mesmo período.

Inflação oficial para 2020 será de 1,8%, projeta Ipea

Inflação oficial para 2020 será de 1,8%, projeta Ipea

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) revisou sua projeção para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e divulgou o resultado nesta sexta-feira. A nova projeção aponta que a inflação oficial do país encerrará 2020 com 1,8%, contra 2,9% previstos em março.

Uma das maiores responsáveis pelo cenário é a crise provocada pela pandemia de coronavírus, que impactará especialmente os setores de serviços e bens de consumo duráveis – os mais afetados pelo isolamento social.

O relatório “Carta de conjuntura” mostra, ainda, que a expectativa para a inflação oficial do país é de 3,1% para 2021.

Programa que facilita crédito a pequenas empresas deve começar em julho, diz presidente do BNDES

O BNDES deve colocar em funcionamento o Programa Emergencial de Acesso ao Crédito (PEAC) em julho, de acordo com Gustavo Montezano, presidente da instituição.

O programa tem como objetivo facilitar o acesso de pequenas e médias empresas a novos empréstimos ao conceder garantias aos agentes financeiros.

Além de afirmar que o programa de crédito já tem R$ 25 bilhões em recursos reservados – mas o valor pode chegar a R$ 80 bilhões –, Montezano destacou que é possível que o programa continue mesmo depois do fim da pandemia. As declarações foram dadas em uma live promovida pela XP Investimentos.

Vale lembrar que, de acordo com levantamento do Sebrae Nacional, 58% dos pequenos negócios que buscaram crédito não conseguiram capital.

Caixa libera consultas de data e valor dos novos saques do FGTS por app e internet banking nesta sexta

A Caixa Econômica Federal já liberou nesta sexta-feira as consultas da data e valor do saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), de até R$ 1.045 por trabalhador. Para tanto, basta acessar o aplicativo do FGTS ou Internet Banking da instituição.

O trabalhador que fizer a consulta pelo site ou app também poderá optar por não fazer o saque emergencial ou devolver o valor para a conta do FGTS, caso o dinheiro já tenha sido creditado.

Desde segunda-feira (15), as consultas já podiam ser feitas por meio do Disque 111 e do site fgts.caixa.gov.br.

*Até o fechamento do texto. Fonte: levantamento feito por jornalistas de G1, O Globo, Extra, Estadão, Folha e UOL a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde

Fotos: AdobeStock

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Ana Paula de Araujo
Ana Paula de Araujo
Repórter e produtora, produz o conteúdo multimídia do Finanças Femininas e é fã da Mulher Maravilha. Divide a vida de jornalista com a de musicista e tenta ajudar o máximo de pessoas nas duas profissões.
Fale comigo! :) [email protected]

Leia em seguida

Bolsas do mundo fecham no azul, mas Ibovespa fica no zero a zero

3 de agosto de 2020

Crescimento da indústria na zona do euro e China impulsionaram as bolsas do mundo, mas o Ibovespa amargou o zero a zero. Entenda o motivo.

Bolsa cai 2%, mas fecha o mês no azul pela quarta vez consecutiva

31 de julho de 2020

Apesar da queda do dia, esperança com uma possível vacina contra o coronavírus ajudou julho a fechar em alta. Saiba o que mais rolou no mercado financeiro.

Bolsas do mundo todo fecham em queda com tombo recorde do PIB dos EUA

30 de julho de 2020

A economia dos EUA derreteu 32,9% no 2º trimestre de 2020 e foi a gota d’água para que as bolsas de valores do mundo todo caíssem. Entenda.

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas