Carência fashion e preços baixos deixam brasileiras enlouquecidas

18 de março de 2014 - Por

inauguração forever 21/vanessa duarte

quem ama, compartilha!

*Vanessa Duarte

Nesse último sábado inaugurou mais uma loja estrangeira de roupas aqui no Brasil, mais especificamente em São Paulo, a Forever 21. A marca opta por trazer moda a preços muito baixos e tem ótima fama por onde passa, inclusive entre os brasileiros que conhecem a loja fora do país e aproveitam as suas ofertas.

Eu tive a oportunidade de ir na pré-inauguração para imprensa e profissionais de moda (cobertura completa no meu blog) e mesmo sendo um coquetel fechado, muitas pessoas apareceram e o evento superlotou! A fila do provador e caixa demoravam cerca de 2 horas cada uma, as pessoas não se contentaram em apenas tirar fotos e escrever matérias sobre a nova loja.

Na inauguração oficial ao público, no último sábado dia 15, o resultado foi ainda mais impressionante, pessoas chegaram às 6h sendo que a loja só abriria às 10h, a espera para entrar na loja chegou a 5 horas, a fila ultrapassou às áreas das lojas, estendeu-se até a parte externa do shopping paulistano e essas filas intermináveis continuaram até o final do dia.

forever 21 inaugura loja em sp

Pré-inauguração ficou lotada/ Fotos: Vanessa Duarte

E por que toda essa loucura?

As brasileiras tem muita carência de produtos com uma identidade de moda forte, tendências e que tenham preços acessíveis. Sempre tivemos algumas lojas com personalidade própria e coleções legais, porém nada comparado ao que acompanhamos no exterior no quesito ousadia e inovação, além dos preços altos praticados aqui.

Ultimamente o país não só vem acompanhando, mas também lançando tendências por meio das semanas de moda brasileiras que atraem fashionistas do mundo inteiro. Além das marcas que lançam tendências e estão um pouco longe do público, temos um forte trabalho das lojas de fast fashion, ou seja, magazines que trazem moda a um preço acessível. Elas estão nos shopping, apresentam coleções com informação de moda, por vezes até com parcerias com outros designers e possuem um preço razoável por tudo isso.

forever 21 inaugura loja em sp

Mas ainda não temos o ar despojado e despretensioso da moda americana e muito menos a ousadia e androginia europeia que as brasileiras tanto gostam. É neste ponto que lojas estrangeiras como a Zara, Top Shop e a recém chegada Forever 21 ganham espaço e tenho certeza que demais magazines após o sucesso dessas lojas adiantaram a vinda ao país.

Isso tudo prova, sendo lojas brasileiras ou estrangeiras, que a moda acessível existe e é possível se vestir bem expressando quem você é, da forma como gostaria, passando a mensagem correta sobre você gastando muito pouco. A questão é ter apenas de autoconhecimento sobre o seu estilo pessoal, entender o deseja passar por meio da sua imagem e saber comprar e onde comprar.

Lembre-se que a imagem é a extensão da sua identidade, é a forma física de mostrar a sua história, cultura, ideais, sem precisar dizer uma palavra sobre você!

 

*Vanessa Duarte é consultora de estilo e imagem, figurinista, colunista de moda do programa Tribuna Independente da Rede Vida TV  e personal stylist  da VISS Consultoria de Estilo e Imagem| www.vissconsultoria.com

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Vanessa Duarte
Vanessa Duarte
Moda e Estilo

Leia em seguida

por-que-as-mulheres-sofrem-mais-com-depressao-e-ansiedade

19 de setembro de 2019

Nos últimos anos, os transtornos mentais ganharam mais atenção, especialmente, a depressão e ansiedade, que tem afetado cada vez mais pessoas. Estima-se que mais de 300 milhões de pessoas no mundo são acometidas pela depressão, segundo a Organização Mundial da Saúde. No Brasil, 5,8% das pessoas sofrem com a doença, que representa 11,5 milhões de […]

com-a-selic-a-5-5-investimentos-em-renda-fixa-ainda-valem-a-pena

A taxa básica de juros da economia brasileira, a Selic, caiu 0,5 ponto percentual e alcançou o patamar de 5,5% ao ano. Foi o segundo corte consecutivo de 2019, efetuado pelo Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC). O anúncio aconteceu nesta quarta (18) e confirmou a expectativa da maioria dos especialistas do […]

apps-de-periodo-menstrual-compartilham-dados-com-facebook

11 de setembro de 2019

A ONG britânica Privacy International, que investiga e monitora a privacidade de dados na internet revelou que os aplicativos de período menstrual estão compartilhando dados sobre a saúde, vida sexual e o humor de milhares de mulheres com o Facebook. Em reportagem publicada na última segunda (9) pelo BuzzFeed News, aplicativos como Maya e Period […]

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas