Cartão de crédito: operadoras não poderão cobrar juros maiores no rotativo

27 de abril de 2018 - Por

cartao-credito

quem ama, compartilha!

Quem está em falta com o pagamento do rotativo do cartão de crédito, atenção: a partir de agora, as operadoras de cartão de crédito não poderão cobrar juros maiores de clientes que ficaram inadimplentes ou que pagam um valor menor do que o mínimo da fatura. A medida foi anunciada nesta quinta-feira (26/04) pelo Conselho Monetário Nacional (CMN).

Isso significa que os juros aplicados serão do rotativo regular, o mesmo cobrado de clientes com o pagamento em dia, acrescido de 2% de multa e 1% ao mês de juros de mora. Em compensação, cada instituição financeira irá determinar a porcentagem de pagamento mínimo da fatura – anteriormente, esse valor era de 15%.

“Agora, você terá uma redução do valor da taxa de juros cobrada no rotativo. Você sai daquele rotativo não regular, que chegava perto de 400% ao ano, para o rotativo regular, de 250% ao ano. É uma redução grande, mas as taxas de juros continuam estratosféricas”, comenta Carol Sandler, coach financeira, fundadora e CEO do Finanças Femininas.

De acordo com Carol, isso quer dizer que a dívida vai crescer um pouco mais devagar, mas ainda em uma velocidade preocupante. “Nesse caso, a consumidora precisa ficar de olho e entrar em uma dívida no cartão de crédito apenas quando essa for a última alternativa.”

Já estou com a dívida atrasada. E agora?

A medida tem uma exceção. Se você atrasar um pagamento do rotativo que já foi parcelado, os juros serão os mesmos do contrato de parcelamento anterior. Essa modalidade é oferecida a quem já está no rotativo há 30 dias e tem uma taxa menor – de 169,3% ao ano. Neste caso, o único adicional será a aplicação de multa e juros de mora.

Os bancos terão 30 dias para informar essas mudanças aos consumidores. Para não ser pega de surpresa, é importante ficar atenta em como as instituições financeiras irão trabalhar o novo rotativo e acompanhar exatamente como serão as novas regras.

“A minha recomendação segue a mesma: evitar ao máximo ter dívida no rotativo do cartão de crédito. Para quem já está enrolada, procure saber exatamente quais são as novas regras de dívidas já existentes no cartão de crédito. A dica é uma só, fugir da dívida do cartão”, pontua Carol.

juros-cartao

Como faço para me livrar do rotativo do cartão de crédito de uma vez por todas?

É muito fácil a dívida do rotativo se transformar em uma bola de neve e acabar prejudicando todo o seu orçamento. Mas calma que ainda tem solução. Se você não consegue pagar o mínimo da fatura ou tem o histórico de quitar apenas parte da conta, a melhor dica é deixar o cartão de crédito em casa.

“É aquela velha história, se você tem um carro e sabe usar, ele te leva para todos os lugares. Se você não sabe usar, ele se transforma em uma arma na sua mão. Então, quem não é organizada e não tem o controle dos gastos no cartão, é melhor deixá-lo em casa e o utilizar apenas para compras planejadas. No dia a dia, opte por fazer pagamentos em dinheiro, no cartão de débito ou em um cartão de crédito pré-pago. Assim, você tem a garantia de que não vai gastar mais do que ganha”, conclui Carol.

Fotos: Fotolia

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Gabriella Bertoni
Gabriella Bertoni
Repórter, produz matérias para o Finanças Femininas. Apaixonada por livros e por contar histórias, é recém-chegada em São Paulo e ainda está completamente perdida, mas adorando a cidade.
Fale comigo! :) gabriella@financasfemininas.com.br

Leia em seguida

cadastro-positivo-verdades-e-mentiras-sobre-o-banco-de-dados

11 de novembro de 2019

Consumidor receberá notificação sobre a inclusão de suas informações no Cadastro Positivo. É possível sair do banco de dados. Leia mais.

vício-em-cartão-de-crédito-pode-arruinar-sua-vida-financeira

8 de novembro de 2019

O vício de compras parceladas no cartão de crédito pode te deixar com a conta no vermelho. Saiba como organizar sua vida financeira.

7-otimos-motivos-para-nao-emprestar-o-cartao-de-credito

25 de outubro de 2019

Emprestar o cartão de crédito pode deixá-la com o nome sujo e na malha fina da Receita Federal. Além de abalar as amizades. Saiba como fugir dessa cilada!

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas