Com volta do coronavírus à Europa, Bolsa cai 1,31% na semana

25 de setembro de 2020 - Por

Com volta do coronavírus à Europa, Bolsa cai 1,31% na semana

quem ama, compartilha!

Este texto faz parte da cobertura do Finanças Femininas para traduzir o que está acontecendo com o mercado financeiro durante a pandemia do coronavírus. Ajudamos você a se informar com uma linguagem simples, sem economês e sem pânico!

Ibovespa: -0,01% (96.999 pontos)

Dólar: +0,8% (R$ 5,53)

Casos de coronavírus: 4.667.384 confirmados e 140.040 mortes*

Resumo:

  • Novos casos de COVID-19 na Europa são gatilho para quedas nas bolsas mundiais, afetando o Brasil;
  • Brasil passa de 140 mil mortos por coronavírus;
  • depois de recorde, desemprego na pandemia tem leve queda, aponta IBGE;
  • Conselho Monetário Nacional digitaliza e amplia programa de microcrédito.

Em uma semana marcada pela escalada de novos casos de coronavírus na Europa, foi uma vitória o Ibovespa conseguir encerrar o pregão desta sexta-feira (25) praticamente no zero a zero. No entanto, o resultado do dia não foi suficiente para apagar a queda acumulada de 1,31% na semana.

A preocupação com a nova onda é grande. Mais uma vez, Reino Unido e França registraram recordes de novos casos diários – tendo o último país ultrapassado 16 mil infectados em 24 horas pela primeira vez desde o início da pandemia. Como já explicamos diversas vezes, a maior preocupação do mercado financeiro está nas medidas de restrição, como as que fecham as empresas e impactam a economia como um todo.

Foi com este pano de fundo – além de todo o risco fiscal que sempre falamos por aqui – que a Bolsa abriu o dia. Como em outras vezes, a preocupação com uma nova onda de COVID-19 fez os preços do petróleo cair, já que acredita-se que a demanda pelo combustível passa a cair com as indústrias precisando menos, as pessoas circulando menos, e por aí vai. Este cenário não ajudou muito a Petrobras, que sofreu um bocado neste pregão.

As horas se passaram com o índice em queda, mas aos 45 minutos do segundo tempo, a situação melhorou um pouco com as ações da Vale (que representa cerca de 10% da carteira teórica do Ibovespa) em leve valorização, graças à alta do minério de ferro na China. Também ajudaram as ações ligadas a empresas de tecnologia.

No acumulado da semana, o dólar valorizou 3,29% ante o real.

Com volta do coronavírus à Europa, Bolsa cai 1,31% na semana

Depois de recorde, desemprego na pandemia tem leve queda, aponta IBGE

Depois de bater recorde em agosto, o desemprego em meio a pandemia caiu levemente, mostraram dados divulgados nesta sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O levantamento mostrou que a taxa de desemprego passou de 14,3% para 13,7%, visto que o número de pessoas procurando uma ocupação caiu, aproximadamente, em 700 mil pessoas. Para o IBGE, a queda de cerca de 5% é considerada uma estabilidade estatística.

Em maio, quando a pesquisa começou, a taxa de desemprego era de 10,5%.

Conselho Monetário Nacional digitaliza e amplia programa de microcrédito

Por meio de decisão divulgada na última quinta-feira (24), o Conselho Monetário Nacional (CMN) autorizou a concessão de microcrédito pela internet a micro e pequenos empreendedores, formais ou informais.

Antes, ao menos o primeiro contato entre requerente e banco precisava ser presencial. Agora, o processo pode ser todo feito pela internet, pela distância.

Outra medida foi a ampliação do limite de renda bruta anual dos empresários para pedir o crédito, que foi de R$ 200 mil para R$ 360 mil.

*Até o fechamento do texto. Fonte: levantamento feito por jornalistas de G1, O Globo, Extra, Estadão, Folha e UOL a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde

Fotos: AdobeStock

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Ana Paula de Araujo
Ana Paula de Araujo
Repórter e produtora, produz o conteúdo multimídia do Finanças Femininas e é fã da Mulher Maravilha. Divide a vida de jornalista com a de musicista e tenta ajudar o máximo de pessoas nas duas profissões.
Fale comigo! :) [email protected]

Leia em seguida

Bolsa volta aos 98 mil pontos pela 1ª vez desde 18 de setembro

13 de outubro de 2020

Apesar das quedas em Wall Street, grandes empresas, Magalu e B2W injetaram ânimo na Bolsa de última hora. Saiba o motivo.

Ibovespa sobe com alta de Trump e previsão de novo Renda Cidadã

5 de outubro de 2020

Os eventos externos e internos puxaram o Ibovespa que começou a semana com alta de 2,21%. Leia mais.

Ibovespa desaba após anúncio do Renda Cidadã e frustração com a reforma tributária

28 de setembro de 2020

A semana começou positiva, mas o novo programa social do governo, o Renda Cidadã e a falta de acordo com a reforma tributária, derrubaram o Ibovespa. Entenda.

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas