Como as mulheres podem se ajudar profissionalmente

4 de julho de 2016 - Por

mulheres-se-ajudam-profissionalmente

quem ama, compartilha!

Quando as mulheres se ajudam profissionalmente, todas tendem a ganhar. Sempre é possível colaborar de alguma forma com as colegas de trabalho, compartilhar conhecimentos e experiências. Em vez de competição, é a cooperação que faz com que todas evoluam. “Quanto mais fui crescendo, mais fui trazendo mulheres comigo. Toda e qualquer mulher que já atingiu um alto cargo tem a obrigação de contribuir ajudando outras a crescerem também. Só assim atingiremos um equilíbrio de gêneros na cúpula das empresas”, afirma Geovana Donella, CEO e fundadora da consultoria Donella & Partners, conselheira de administração em empresas familiares e consultora especializada em governança corporativa e gestão de empresas.

Você também pode gostar:
Mulheres que se ajudam no trabalho crescem juntas
Conheça as 9 mulheres de R$ 10 bilhões
Saiba identificar e combater a Síndrome do Impostor

Na Donella & Partners, ela montou o curso “Mulheres de alta performance”, no qual ajuda aquelas que ocupam cargos médios a se prepararem para se tornarem executivas  e a ocuparem posições como presidente, diretora ou conselheira. O projeto tem tudo a ver com a campanha #ElaFazHistória, encabeçada por Sheryl Sandberg, COO do Facebook.

“Os conselhos mais diversos em termos de gênero têm melhores resultados e estratégias. Homens e mulheres usam suas peculiaridades de estilo para desenvolvê-las”, diz Geovana.

Segundo ela, entre os diferenciais das lideranças femininas está o olhar 360 graus. “A mulher consegue olhar bem todas as partes da companhia: a financeira, as pessoas, necessidades de produção, de vendas. Ela sabe cuidar de gente, acolher, interpretar as necessidades dos funcionários e é cuidadosa com o dinheiro. Tem boa comunicação e argumentação. Além disso, trata o negócio da empresa como se fosse dela”, explica.

mulheres-ajudar-profissionalmente

Se você é chefe, pode contribuir com sua equipe delegando responsabilidades e conhecimentos. “A chefe segura delega sem medo e dá abertura para as subordinadas se desenvolverem. Veja quais são as necessidades delas e ajude-as. É importante segurar na mão da liderada, dar o cuidado e o suporte necessários”, diz.

Independente do cargo, como as mulheres podem contribuir umas com a outras no ambiente de trabalho? “Fortalecendo e compartilhando seus conhecimentos. Fazendo essa troca de habilidades, uma ajuda a outra. Convivendo sem competir, e sim somando”, afirma. Quando uma colega estiver com dificuldades, ofereça ajuda. Ela também poderá cooperar com você quando precisar. Desenvolva e fortaleça parcerias.

Quando as mulheres não reconhecem o próprio potencial ou se sentem inseguras em relação ao próprio desempenho, devem se cuidar ainda mais para ficarem bem emocionalmente.

Ela destaca ainda a necessidade de cuidar da qualidade de vida fora do ambiente profissional. “É importante dar atenção aos seus hobbies e paixões, ter boa alimentação e fazer exercícios físicos”, recomenda Geovana. Estando atentas ao próprio bem-estar e às coisas que gosta, as mulheres se revigoram, o que pode refletir positivamente no desempenho profissional.

Fotos: Shutterstock

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Financas Femininas
Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

Leia em seguida

mulheres-na-musica-iniciativas-apoiam-a-producao-artistica-feminina

22 de agosto de 2019

A produção artística das mulheres vem furando a bolha do machismo e conquistando espaço no mercado musical, que ainda é dominado por homens. O projeto”Por elas que fazem a música”, da União Brasileira de Compositores (UBC), aponta que apenas nove mulheres figuraram a lista dos 100 maiores arrecadadores de direitos autorais da música brasileira em […]

video-aprenda-a-combater-a-sindrome-do-impostor-1

12 de agosto de 2019

Sabe quando bate aquela insegurança acompanhada de uma vozinha que fica martelando na sua cabeça que você não é boa o suficiente? Ou que você não merece a tão desejada promoção, por exemplo? E também a sensação que todas as suas conquistas, principalmente, na vida profissional foram pura sorte? Você não está sozinha. Continue aqui […]

atitudes-antiprofissionais-que-você-não-nota

22 de julho de 2019

Alguns comportamentos no ambiente de trabalho são automáticos. Será que, com isso, você anda tendo atitudes antiprofissionais sem perceber?

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas