Como enxergar os alimentos de uma nova maneira

10 de setembro de 2015 - Por

grao-de-bico-crocante

quem ama, compartilha!

Boa tarde, meninas! A partir de hoje, contaremos com as dicas de culinária de Maria Capai, autora do blog Diga Maria. Conheçam um pouco mais sobre a trajetória dela e o que podemos esperar da coluna!

Olá, leitoras do Finanças Femininas!

Pensei muito sobre o que abordar neste meu primeiro post aqui e, por fim, cheguei à conclusão que o melhor é começar dizendo quem sou eu e a que vim. Meu nome é Maria Capai e sou a criadora do DigaMaria, blog que produzo desde 2009. Nesses seis anos muita coisa mudou, começando pelo meu local de residência. Nascida no Rio e crescida em Vitória, eu estava recém-mudada para São Paulo quando comecei o blog.

Foram apenas dois anos por lá, um par de anos de muito estranhamento, até que, finalmente, cheguei a Ubatuba, município com 80.000 habitantes e mais de 80 praias, no litoral norte de SP. Já no primeiro mês, um grande impacto financeiro: meu custo de vida caiu quase 40% em relação ao que tinha na capital paulista. Mas a grande mudança de paradigma ainda estava porvir.

Ubatuba estava semeando em meu cotidiano uma visão de mundo diferente e uma nova maneira de pensar a comida e o alimento. Em grande parte, é sobre isso que conversaremos aqui: como o consumo de alimentos frescos fomenta uma cadeia que fortalece os produtores e é sustentável para o planeta, e como cozinhar pode representar uma economia financeira e um ganho na qualidade da alimentação.

Como diz Michael Pollan, cozinhar é um ato político, e a consciência de onde vem nossa comida é um dos primeiros passos nessa direção. Isso tudo será abordado de uma maneira leve e permeado por muitas receitas práticas, saborosas e charmosas. Vamos conhecer experiências ligadas a pequenos produtores, iniciativas interessantes e até verduras que não achamos para comprar, porque crescem espontaneamente nos canteiros e terrenos baldios das cidades.

Por fim, deixo a indicação de um dos meus filmes prediletos, A Festa de Babette, não só pela comida, mas creio que, sobretudo, pela sensível maneira como as relações humanas – e suas prioridades – são abordadas. Para acompanhar, uma receita que gosto muito, tanto para petiscar naquela fominha entre refeições, quanto para fazer as vezes de uma pipoca.

grao-crocante

Clique aqui para conferir a receita de grão de bico crocante

 

Ah, e saibam que este é um espaço de diálogo, Ou seja, comentários são muito bem-vindos.

*Dentre as várias atividades de Maria Capai, ela é artista plástica, apresentadora de TV, fundadora do Diga Maria e colunista de gastronomia do Finanças Femininas, onde irá dar dicas de como manter seu estilo de vida com uma alimentação saudável de forma econômica.

Fotos: DigaMaria

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Maria Capai
Maria Capai
Dicas da Chef

Leia em seguida

produtos-importados-dicas-para-fazer-compras-online

14 de agosto de 2019

A grande variedade de produtos e os preços baixos incentivam as compras em sites chineses e norte-americanos. No ano passado, 23,1 milhões de brasileiros fizeram compras internacionais, segundo a pesquisa da Ebit, especializada em avaliar a reputação das lojas online. O chinês AliExpress é o favorito entre 51% dos consumidores brasileiros, seguido dos norte-americanos Wish […]

crediario-ainda-e-utilizado-para-parcelar-compras-indica-spc

8 de agosto de 2019

O crediário ainda é a opção favorita de 30% dos consumidores para o pagamento de compras, apesar da popularização do cartão de crédito. Esse dado é do levantamento realizado pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). As instituições entrevistaram 805 pessoas que utilizaram o famoso carnê, boleto […]

independencia-financeira-violencia-domestica-feminicidio

7 de agosto de 2019

A independência financeira ajuda na luta contra a violência doméstica pois permite à mulher fazer mais escolhas. Carol Sandler explica essa relação.

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas