É melhor investir em ações ou fundos de ações?

28 de junho de 2018 - Por

investir-em-acoes-fundos-de-acoes-01

quem ama, compartilha!

O mundo da renda variável é cheio de opções – o suficiente para confundir qualquer investidora novata. Para quem se interessa pelo mercado de ações, fica a dúvida: investir em ações ou em fundos de ações? Apesar do nome parecido, essas duas opções não devem ser confundidas. Por exemplo, enquanto uma é indicada para quem investe há bastante tempo e não tem medo de ousar, outra é melhor para quem está começando a se aventurar na renda variável.

Para você entender as diferenças e escolher a melhor para sua carteira de investimentos, listamos as principais vantagens, desvantagens e indicações de ações e fundos de ações. Confira!

Investir em ações

Esse mercado consiste, basicamente, na compra e venda de ações diretamente pelo investidor. Ou seja, você fará sua própria carteira de investimentos, montará sua estratégia e fará as operações. Essa opção, para quem não tem conhecimento muito técnico e específico na área, pode ser muito arriscada. Ao escolher por si só as ações que deseja comprar, você dilui pouco o risco envolvido. Aqui, caso essa opção seja feita, o ideal é não ousar demais no percentual do patrimônio que será aplicado – ou seja, colocar um dinheiro que não te deixará em maus lençóis se for perdido nas operações.

Indicado para: quem é experiente, sangue frio e lida bem com perdas. “As ações são indicadas para pessoas que trabalham com investimentos ou que possuam um bom assessor por trás, pois o acompanhamento diário exige tempo, conhecimento, estratégias e cálculos”, diz Victor Barboza, master coach financeiro.

investir-em-acoes-fundos-de-acoes-02

Para investidoras amadoras – isto é, que não são especuladoras ou profissionais -, investir em ações apenas se torna atrativo quando se pode deixar essa grana aplicada em longo prazo, para que o tempo compense as diversas oscilações.

Vantagens de investir em ações

Investir em ações significa participar de empresas com capital aberto. É como se você adquirisse uma fatia dela. Assim, caso ela tenha lucro, você também sai ganhando.

“Outra grande vantagem é a possibilidade de diversificar a carteira, trazendo possibilidades de maior retorno”, comenta Barboza. Isso significa que é possível adquirir ações de diversos setores. Nesses vídeos, Carol Sandler explica melhor como essa diversificação funciona, além de ensinar como investir na Bolsa:

Desvantagens de investir em ações

Por se tratar de um investimento de renda variável, você precisa saber que não será possível determinar quanto renderá ao longo do tempo, ao contrário de investimentos de renda fixa, como Tesouro Direto e CDB. “Com isso, o risco acaba ficando mais alto, logo, se não houver um bom entendimento e uma boa estratégia frente ao mercado de ações, o investidor pode até perder dinheiro”, alerta.

Outra desvantagem considerável é que é muito mais comum que as empresas disponibilizem apenas lotes mínimos de 100 ações – apesar de ser possível comprar ações em lotes fracionados, isso é raridade. Ou seja, se você quiser diversificar as ações que possui – algo extremamente indicado -, terá que desembolsar uma boa grana. Em relação às taxas, podemos elencar a de corretagem e custódia – algumas corretoras também podem cobrar taxa de performance.

Fundos de ações

Indicados para: quem deseja entrar no mercado de ações, mas não tem conhecimento ou dinheiro necessário para fazer uma boa carteira de investimentos por conta própria. “Porém, quem não deseja ter altos riscos e possibilidades de perdas no curto prazo, esse já não é o investimento mais indicado, por também ser um ativo de renda variável”, comenta.

Vantagens de investir em fundos de ações

Aqui, um grupo de investidores deixa seu dinheiro nas mãos de um gestor, que o aplica da forma que achar mais sensata – outra vantagem, afinal, será um especialista que cuidará das estratégias para você. Assim, em vez de comprar um lote de ações sozinha, você adquire uma cesta de ações diversificada por um bom preço, o que também pode resultar em maiores ganhos e risco reduzido.

Desvantagens de investir em fundos de ações

Ter uma equipe cuidando do seu dinheiro tem suas vantagens, mas também quer dizer que você não poderá investir nas ações que julgar mais interessantes, afinal, essa é a função do gestor do fundo. “Além disso, como há uma equipe trabalhando para fazer os investimentos, a outras desvantagem é a taxa de administração que deverá ser paga e, em algumas vezes, taxa de performance”, completa Barboza.

Dá para investir em ações e em fundos de ações?

Sim, você pode ter o melhor dos dois mundos, o que resultará em uma carteira ainda mais diversificada. “Muitas vezes, a investidora gostaria de aplicar em uma empresa que não faz parte da carteira do fundo, então, ela pode fazer este complemento”, finaliza.

Fotos: Fotolia

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Ana Paula de Araujo
Ana Paula de Araujo
Repórter, produz o conteúdo multimídia do Finanças Femininas e é fã da Mulher Maravilha. Divide a vida de jornalista com a de musicista e tenta ajudar o máximo de pessoas nas duas profissões.
Fale comigo! :) anapaula@financasfemininas.com.br

Leia em seguida

descubra-como-perder-o-medo-de-investir-em-acoes

13 de novembro de 2019

Para algumas mulheres, investir em ações pode parecer assustador, mas o mundo da renda variável não precisa ser um bicho de sete cabeças. Sandler e Rosa te contam tudo!

melhores-investimentos-bolsonaro-presidente-01

22 de novembro de 2018

Com Bolsonaro eleito, aplicações de renda variável, como bolsa de valores e alguns fundos de investimento, estão entre as melhores opções. Por que? Como aproveitar esse momento? Descubra!

ferramentas-investimento

27 de agosto de 2018

Quer investir mas não sabe por onde acompanhar como anda o mercado financeiro? Pois saiba que o primeiro passo é estar bem informada. Separamos 7 ferramentas úteis para te ajudar nessa empreitada. Confira!

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas