Empreendedorismo digital: 5 lições que a fundadora do YouPix ensina

29 de agosto de 2017 - Por

bia-granja-empreendedorismo-digital

quem ama, compartilha!

Se hoje fazer sucesso na internet é algo que muita gente deseja, na época em que Bia Granja, fundadora do YouPix, começou, empreendedorismo digital ainda era uma grande novidade. Ela mesma brinca que “a internet era só mato” quando começou a empreender na rede.

No 11º episódio do Mapa da Mina, o podcast do Finanças Femininas, a especialista em web conta sua história e dá dicas valiosas para quem deseja ter um negócios na rede. Por isso, se você deseja ganhar dinheiro na internet – seja com um blog, canal no YouTube ou startup –, veja como a história da Bia pode lhe dar insights preciosos.

1) Abrace as mudanças

A internet está em transformação constante, e você precisa estar preparada para se adaptar a elas. Ao longo de sua carreira, Bia assumiu diversos desafios e não teve medo de mudar o enfoque do YouPix – que, de um site voltado para fãs de cultura digital, passou a ser uma fomentadora de negócios e conhecimentos para a indústria de conteúdo digital. “A gente vai testando e não tem medo disso. Se está rolando, vamos fazendo.”

bia-granja-empreendedorismo-digital

2) Não tenha medo de agir

Quem vê Bia como uma autoridade em empreendedorismo digital não imagina ela é formada em Turismo, porém, logo começou a trabalhar em uma incubadora de startups. Depois, foi para uma empresa de fotografia e, quando menos esperava, ganhou uma coluna em uma revista para falar sobre o mundo digital e cultura da internet. “Tem que ir lá e fazer. Se der errado, você já risca aquilo da lista e segue em frente”, aconselha.

3) Dê a cara a tapa

“Sempre tive uma grande dose de cara de pau e pouca preocupação com o que os outros iam pensar”, brinca. Essas características fizeram com que ela fosse levada a sério, mesmo no começo dos anos 2000 – uma época em que não se fazia ideia do potencial da internet, muito menos dos criadores de conteúdo.

4) Comece aos poucos

Quem vê as proporções que o YouPix Festival tomou, atraindo 18 mil pessoas na última edição, não imagina que ele nasceu pequeno lá em 2009. “Eu cresci junto com o festival. Se tivesse feito algo grande desde o começo, talvez não estaria pronta e teria entregado algo estranho”, conta.

5) Entregue valor aos seus seguidores

Foi-se o tempo em que produzir bom conteúdo era sinônimo de sucesso e rentabilidade. Hoje, para realmente se destacar, é preciso entregar algo além. Youtubers que fazem vídeos ensinando a cuidar de cabelos crespos, por exemplo, não mostram apenas a beleza: elas também incentivam o empoderamento de mulheres negras. “É pouco sobre o que você faz e mais sobre o que as pessoas percebem que você faz”, ensina.

Gostou dessas dicas? Então, ouça o podcast completo e veja outras dicas poderosas que Bia Granja tem para quem deseja empreender na internet:

Fotos: Divulgação e Shutterstock

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Ana Paula de Araujo
Ana Paula de Araujo
Repórter, produz o conteúdo multimídia do Finanças Femininas e é fã da Mulher Maravilha. Divide a vida de jornalista com a de musicista e tenta ajudar o máximo de pessoas nas duas profissões.
Fale comigo! :) anapaula@financasfemininas.com.br

Leia em seguida

profissionais-liberais

27 de maio de 2019

Se você é profissional liberal ou autônoma, precisa ter um bom planejamento financeiro, capital de giro e uma reserva para o futuro. Veja como.

celebridades-empreendedoras-giovanna-antonelli

30 de janeiro de 2019

Além dos holofotes, celebridades como Ana Hickmann, Giovanna Antonelli e Gisele Bündchen empreendem e cuidam de suas empresas. Conheça-as!

empreendedorismo-consumo-consciente (1)

6 de dezembro de 2018

Com a criação da marca Tereza, detentas da Penitenciária Feminina II de Tremembé têm a chance de uma vida nova durante o regime fechado e depois de cumprir a pena. Conheça!

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas