Fundos imobiliários ou imóveis físicos: conheça 8 vantagens e desvantagens

17 de julho de 2018 - Por

fundo-imobiliario-ou-comprar-imoveis 01

quem ama, compartilha!

Bruna Rodrigues*

Você já pensou em comprar um imóvel mas achou muito caro ou até mesmo considerou não ser o momento certo para adquirir? Com fundos imobiliários você não tem esse problema, afinal é fácil investir em imóveis de alto padrão e até mesmo em shoppings centers, por um preço que pode caber no seu bolso.

Mas como nem tudo são flores, temos que identificar as desvantagens também deste tipo de investimento. Por isso, neste texto contamos para você as vantagens e desvantagens dos fundos imobiliários em relação ao investimento em imóveis físicos.

Para que você possa analisar se vale a pena ter esta aplicação na sua carteira, continue lendo para saber mais:

Vantagens dos fundos imobiliários

1. Gestão profissional

Quando você investe sozinho tem todo o trabalho de pesquisar as melhores alternativas, acompanhar todo o cenário econômico, além de conhecer os retornos e riscos de cada investimento.

E investir em um imóvel? Já pensou ter que lidar com cartório, matrícula, imobiliária, escritura, infinitas negociações e por aí vai?

Com os fundos imobiliários você pode ter a união entre ter uma ajudinha na hora de investir e aplicar seu dinheiro em imóveis sem precisar sair de casa.

O responsável que poderá te auxiliar em todo este processo de aplicação nos fundos será o gestor. Com ele é possível pular todas estas etapas e ser guiado entre os melhores fundos para sua carteira de investimentos.

O gestor será sempre o responsável pela compra e venda dos ativos do seu fundo. Logo, assim que você investir seu dinheiro, ele poderá aplicá-lo onde julgar necessário para obter os melhores resultados do mercado financeiro.

E seu objetivo será buscar incessantemente por ótimas oportunidades para sua carteira, enquanto você poderá descansar tranquilo.

2. Simples e fácil!

Outra vantagem muito grande dos fundos imobiliários em relação aos imóveis físicos é a simplicidade que os fundos possuem. Afinal, como vimos, para a compra de um imóvel é preciso passar por um momento mais burocrático, onde há documentos e negociações para lidar que necessitam de um tempo maior do comprador.

Já com os fundos imobiliários, se o investidor possuir um computador e internet conseguirá realizar seu investimento com mais facilidade e de forma muito mais rápida.

3. Isenção de IR dos aluguéis

Outro ponto muito atrativo nos fundos imobiliários é a isenção de impostos, o que não acontece com uma pessoa física que investe em imóveis de forma direta.

Afinal, ao comprar um imóvel – para uso ou para alugar – o investidor terá que arcar com o Imposto de Renda sobre o total de ganhos ou sobre os aluguéis recebidos. E da mesma forma, se realizar a venda do imóvel e tiver lucro com este processo, terá que pagar o Imposto de Renda sobre este ganho.

Já os fundos imobiliários não necessitam pagar o IR sobre os aluguéis, entretanto se o fundo se valorizar no mercado, será cobrado 20% deste imposto.

fundo-imobiliario-ou-comprar-imoveis 02

4. Custos menores

Na lista de vantagens dos fundos imobiliários, contamos também com os custos menores, ou seja, as taxas descontadas da sua rentabilidade, que são:

Taxa de corretagem: que é um valor cobrado pelas corretoras de valores para cada operação de compra e venda de FIIs (Fundos de Investimento Imobiliário), ações e outros ativos na Bolsa.

Taxa de administração: é o valor pago pela prestação de serviços e administração dos seus investimentos.

E você já pensou em fazer as contas de quanto perde de dinheiro só em documentações a cada compra e venda de imóveis? E em impostos como IR e ITBI (Imposto de Transmissão de Bens Imóveis)?

Como vimos, os fundos imobiliários possuem somente uma incidência de 20% do IR sobre o ganho de capital.

Já no caso de imóveis físicos, é cobrado o ITBI, conhecido como uma tributação que é cobrada por cada município onde houver uma transação imobiliária. Logo, como o próprio nome diz, se o pagamento do imposto não for feito, não haverá transmissão da propriedade do imóvel do vendedor para o comprador.

5. Ótimos imóveis

Já pensou investir com pouco dinheiro em um prédio de luxo em sua cidade?

Você pode imaginar que isso é impensável, mas com fundos imobiliários é possível. Afinal, o valor de uma cota pode caber no seu bolso. Assim, você terá participação no lucro de grandes construções, como shoppings, edifícios de luxo, galpões logísticos, entre outros.

Com R$ 100 você poderá investir em cotas de imóveis como estes, enquanto para investir em imóveis físicos, com R$ 300 mil, em muitos casos, você encontra apartamentos pequenos em áreas mais afastadas das zonas centrais.

Por isso, os fundos imobiliários são considerados ótimas saídas de investimento, com variedade entre os imóveis, além da oportunidade de se tornar “dono” de uma parte da instituição/ imóvel.

Desvantagens dos fundos imobiliários

1. Volatilidade

O mercado de fundos imobiliários ainda é considerado pequeno em comparação ao mercado de ações e de renda fixa, e alguns desses fundos costumam ser prejudicados pela pouca quantidade de negociações diárias.

Ou seja, a pouca negociação pode causar grandes variações nos preços das cotas, gerando um prejuízo desnecessário na operação.

2. Liquidez

Este tópico trata-se da velocidade em que um ativo pode ser convertido em caixa, isso tudo dentro do seu tempo estipulado de vencimento.

Existem muitos casos onde os investidores não conhecem tão bem seu perfil de investidor – e acabam realizando escolhas que não condizem com sua carteira. Ao perceberem as oscilações que citamos acima, acabam optando pela saída antecipada do ativo.

Conclusão

E agora? Ficou mais fácil analisar se os fundos imobiliários são uma boa saída para sua carteira de investimentos?

Como vimos, é muito importante avaliar todos os prós e contras de um investimento para que seja possível balancear as escolhas de acordo com o seu perfil, objetivos e comparando sempre com os ativos que já possui. Além disso, é importante acompanhar as variações na economia, entre compra e venda de imóveis.

Os fundos imobiliários são considerados ótimos ativos por possuírem vantagens com muito mais peso do que desvantagens, por contarem com isenções de impostos, facilidade em toda a aplicação e muito mais.

Gostou deste texto ou tem alguma dúvida sobre este assunto? Deixe um comentário abaixo!

Mais Retorno é uma fintech que tem como objetivo informar, ensinar e desmistificar o mundo dos investimentos e finanças pessoais para investidores de todos os níveis, com isenção e uma linguagem divertida, interessante, prática e acessível.

Fotos: Fotolia

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Financas Femininas
Sua independência financeira depende de você, com uma ajudinha nossa.

Leia em seguida

como-mudar-de-vida-juntar-dinheiro-50-reais

1 de julho de 2019

É possível mudar de vida DE VERDADE juntando apenas R$ 50 por mês se você investir corretamente. Carol Sandler mostra como é fácil, confira!

erro-dinheiro-inflacao-investimentos-01

9 de maio de 2019

A regra básica na hora de cuidar das suas finanças: dinheiro parado é dinheiro perdido. Você perde para a inflação e ainda deixa de ganhar.

como-investir-dinheiro-perguntas 01

17 de abril de 2019

Se você quer investir dinheiro, mas não sabe por onde começar, esse texto é para você! Entenda como investir, onde investir e escolher o melhor investimento.

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas