Na banca de jornal: O futuro dos bancos

28 de novembro de 2012 - Por

Bancos futuro exame tarifas produtos Maílson

quem ama, compartilha!

Se você passou por uma banca de revistas nos últimos dias, pode ter visto a edição da revista Exame sobre como os bancos vão mudar a sua vida. Você não reparou? Então a gente conta aqui!

A revista entrevistou os presidentes dos maiores bancos do Brasil para entender como o novo cenário de juros mais baixos vai afetar a vida deles – e, por consequência, a nossa também. Segundo a revista, vamos viver a maior transformação na economia brasileira desde que o Plano Real acabou com a inflação, em 1994.

Na entrevista do Finanças Femininas com Maílson da Nóbrega, o ex-ministro explicou como a queda dos juros iria afetar o cenário de investimentos no País. Pois bem, a vida dos bancos também está sendo afetada. Com juros menores, o lucro dos bancos passou a diminuir – e eles passaram a buscar maior eficiência para poderem ser mais rentáveis.

Para isso, todos terão que oferecer produtos mais adequados para seus clientes – isso quer dizer que você não vai mais receber ofertas de crédito quando estiver estourada no cheque especial, por exemplo. Os bancos estão no meio de uma corrida tecnológica para poderem ser mais eficientes. Agora, quem for mais rápido para abrir contas e conceder crédito na agência, por exemplo, ganha vantagem.

Veja também

Neste novo cenário, os bancos também vão começar a oferecer novos produtos – e a cobrar mais taxas dos clientes. A matéria dá destaque para crédito imobiliário, seguro de vida e ofertas de  investimentos. Você pode observar este movimento e procurar aproveitar ofertas que façam sentido para você. Se você estiver comprando um apartamento, por exemplo, pode ser uma boa hora para procurar um financiamento.

Mas e um atendimento no telefone que de fato funcione, sempre com o mesmo atendente? Um banco que não fique te empurrando produtos que você não quer? Isso já existe. A Exame também trouxe uma matéria sobre o que tem de inovação bacana no setor lá fora. Tem um banco que foi criado para todo mundo que odeia banco. Em Singapura, tem outro que manda SMS para avisar que a aquela conta vai vencer e até remunera a poupança com taxas maiores para estimular as pessoas a começar a poupar. A gente só ficou sonhando com o dia que isso chegar aqui no Brasil…

Gostaram? Nós vamos trazer matérias importantes que saíram na imprensa para vocês. Tem algum assunto que vocês gostariam que a gente explorasse? Contem nos comentários!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

carolinaruhman
Carol Sandler
Carol Sandler é fundadora do Finanças Femininas, a maior plataforma online do Brasil de empoderamento feminino através da educação financeira. Apresenta o quadro "Carol, cadê meu dindin" semanalmente no programa SuperPoderosas, da TV Band. Autora do livro "Detox das Compras (Saraiva, 2017) e coautora do livro “Finanças Femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos” (Saraiva, 2015), junto com o economista Samy Dana. Estudou Jornalismo na PUC-SP e Economia e Relações Internacionais no Institut d’Études Politiques de la France, em Paris. Colunista do site da revista CLAUDIA e do portal Tempo de Mulher.

Leia em seguida

quanto-custa-um-parto

18 de julho de 2019

A hora de ver o rosto do seu bebê pela primeira vez se aproxima. O parto é um dos principais momentos da gravidez e por isso a mãe deve estar segura sobre a melhor forma de trazer a criança ao mundo. Conversamos com obstetras para entender quais os custos do parto e o que deve […]

16 de julho de 2019

Nesta terça (16), Carol Sandler, fundadora do Finanças Femininas e coaching financeira dá um grande passo em sua carreira com o lançamento da TV Carol, a primeira TV digital por streaming de uma influenciadora brasileira. A nova plataforma vai expandir horizontes e ampliar o alcance dos conteúdos sobre educação financeira para empoderar mais mulheres. Será […]

15 de julho de 2019

Poupar para o futuro pode ser desafiador. Esta regra pode ajudá-la a saber se está no caminho certo ao planejar a aposentadoria.

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas