O poder da autoavaliação para mudar a forma como lida com dinheiro

25 de agosto de 2017 - Por

autoavaliacao_priscila

quem ama, compartilha!

*Priscila Lambach

Algumas pessoas relatam que parecem andar em círculos e, ao longo de suas vidas, costumam cometer sempre os mesmos erros. Outras, sentem que há algo que precisa ser mudado, uma coisa que está fazendo mal para si próprio ou para os outros a sua volta. Porém, por mais consciente que seja essa autoavaliação, é difícil dar o primeiro passo para mudar o nosso comportamento.

Acredito que todos nós estamos constantemente cercados de desafios que nos levam a evoluir. Uns, os encaram de frente, arregaçam as mangas e “fazem acontecer”. Outros são mais contidos e precisam que as coisas aconteçam exatamente no seu tempo.

Gosto muito do exercício de autorreflexão e autoanálise para que possamos ser SEMPRE a melhor versão possível de nós mesmos.

Se você está com medo de algo, o que pode fazer para ter cada vez mais coragem? Se você está para baixo, desanimada, o que pode fazer para ter de volta aquela energia vital tão importante para uma vida com boa qualidade?

Costumo simbolicamente escanear o meu corpo, minha mente e meu coração e sentir como as coisas estão. Se estou com uma dor de cabeça que não passa, reflito se algo está me incomodando, se há um pensamento recorrente que não tenho conseguido lidar. Se não estou conseguindo dormir, quero encontrar o que está me tirando o sono e o que é possível fazer para resolver isso.

Observe, veja, sinta como você está. Pense que não adianta mascarar dores, sintomas, sem pensar na causa. É quando de fato conseguimos encontrar esse por quê que conseguimos fazer algo a respeito.

autoavaliacao_priscila_interna

Quando o assunto é dinheiro, essas mesmas características aparecem. O que faz com que você gaste sem parar? Será que falta algo que precisa ser preenchido? O que faz com que você não consiga poupar? Por que está sempre endividada sem necessidade? O que faz com que você não consiga doar coisas que não usa mais? Como é possível praticar o desapego, a organização, ter metas concretas a serem conquistadas, possuir um projeto de vida próprio ou com alguém?

Saber lidar com o dinheiro é muito importante. O dinheiro pode trazer consigo questões poderosas como independência, segurança, sentimento de pertencimento, de merecimento, calma, boa autoestima, dentre muitos outros.

Vamos focar sempre na solução. Se foi de um jeito que você não gosta até agora, tudo bem. O importante é que a partir desse instante, pode ser completamente diferente. Não precisamos esperar segundas-feiras para mudar algo em nossas vidas.

Precisamos ter coragem para localizar e enfrentar problemas. Precisamos olhar pra dentro. E como às vezes dói olhar para dentro. Ao desatar nós, curar feridas, reconhecer cicatrizes, temos a chance de seguir adiante com mais leveza e plenitude. Por uma vida mais equilibrada em todos os sentidos.

*Priscila Lambach é administradora de empresas e pedagoga. Fala sobre desenvolvimento humano e formação pessoal feitos com poucos recursos, de forma criativa e eficiente – desfazendo a ideia de que para educar bem é preciso investir muito dinheiro.
Email: contato@priscilalambach.com

 

Fotos: Shutterstock

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Priscila Lambach
Priscila Lambach
Nova perspectiva

Leia em seguida

educar-filhos-autonomos

29 de setembro de 2017

Cabe aos pais educar filhos que saibam lidar com o mundo. Não julgar é um dos passos para criar uma relação de parceria com os pequenos. A pedagoga Priscila Lambach mostra outros.

familia-e-escola

25 de julho de 2017

Se você quiser criar bem seus filhos, precisa aliar-se à escola para dar suporte à criança em todas as áreas. A pedagoga Priscila Lambach mostra como unir família e escola.

desenvolvimento_bola

24 de agosto de 2016

A bola é um brinquedo simples, mas que oferece múltiplas opções para um aprendizado rico e sem a necessidade de muitos recursos financeiros.

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas