Pessoas divorciadas pagam mais caro no seguro de carro, diz estudo

11 de setembro de 2019 - Por

pessoas-divorciadas-pagam-mais-caro-no-seguro-de-carro-diz-estudo.

quem ama, compartilha!

Além de todo desgaste emocional acarretado pelo divórcio, você deve ficar atenta a um fator financeiro que pode pesar no seu bolso: o valor do seguro de carro. O levantamento realizado pela Compara – plataforma de cotação de seguros e produtos financeiros – mostra a elevação do custo após a separação.

Em média, o preço aumenta 14% para homens e pode chegar a 12% para mulheres divorciadas. Paulo Marchetti, CEO da empresa, explica que com base nas estatísticas do histórico de clientes, as seguradoras identificaram maior propensão de risco após a mudança do estado civil.

“A pessoa divorciada tem uma vida noturna mais agitada, às vezes exagera na bebida alcoólica e não tem com quem revezar o volante, por isso essa variação percentual”, destaca.

A média de valor do seguro de carro para mulher divorciada é R$ 3.185,82. Já os homens pagam um valor mais elevado de R$ 4.628,89.

pessoas-divorciadas-pagam-mais-caro-no-seguro-de-carro-diz-estudo

Marchetti reconhece que é necessário melhorar os critérios de avaliação para não colocar todas as pessoas na mesma categoria. Dessa forma, algumas empresas de seguros estão utilizando aplicativos para analisar o comportamento dos segurados na direção. “A seguradora vende um pacote normal e vai observando o segurado durante o período de vigência da apólice. É um jeito menos invasivo para precificar o cliente de forma justa”, justifica.

Geralmente, as seguradoras consideram o modelo do veículo, endereço e o comportamento de risco do cliente para definir o valor do seguro. Portanto, antes de contratar o serviço é importante pesquisar, buscar um corretor de seguros qualificado, consultar vários tipos de seguradora, avaliar as coberturas e preços oferecidos.

A Compara considerou o modelo do carro, endereço e estado civil para fazer o estudo sobre o aumento dos preços do seguro de carro. Foram analisadas oito seguradoras do estado de São Paulo em 2019.

Confiança entre o cliente e a seguradora

O “endosso da apólice” que acontece quando é necessário alterar informações no contrato original do seguro, é responsabilidade dos clientes. “Se a pessoa esquecer de alterar o estado civil, a seguradora vai ponderar e pode se reservar o direito de negar a indenização no futuro, ou cobrar a diferença de valor antes de liberar o prêmio”, analisa.

Para a pessoa solteira que tem um seguro válido por um ano, por exemplo e decidiu se casar, é possível obter a restituição do prêmio, segundo Marchetti. “A seguradora devolve o valor que pagou, porque o seguro fica mais barato”, diz.

O que diz o direito do consumidor?

O Código de Defesa do Consumidor não considera ilegal aumentar o valor do seguro de carro para pessoas divorciadas, mas o advogado especialista em direitos do consumidor, Sérgio Tannuri, acredita que a alta pode promover injustiças. “É uma prática imoral e o consumidor não deve aceitar esse tipo de aumento, porque muitas vezes não reflete a realidade”, ressalta.

No Senado, o Projeto de Lei 151/2018 prevê a alteração do Código de Defesa do Consumidor para considerar prática abusiva o aumento do seguro para divorciados. O PL está em análise na Comissão de Assuntos Econômicos.

Foto: AdobeStock

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Carol Nogueira
Carol Nogueira
Repórter do Finanças Femininas, fã de David Bowie e John Coltrane. Passa o tempo livre pesquisando textos da Sylvia Plath e assistindo séries na Netflix.

Leia em seguida

4-dicas-para-reorganizar-a-vida-financeira-apos-o-divorcio

21 de outubro de 2019

Rever o orçamento doméstico após o divórcio é essencial para sobreviver financeiramente a esse momento doloroso e reorganizar a vida financeira. Saiba mais!

pensao-alimenticia-como-calcular

31 de janeiro de 2019

Afinal, existe uma fórmula para calcular o valor da pensão alimentícia? Veja a resposta para a questão que já rendeu muita discussão entre divorciados.

traicao-casal

16 de maio de 2018

Para passar pelo divórcio depois de uma traição, é importante se manter centrada e buscar formas de cuidar da parte mais importante, você mesma! Confira dicas de especialistas.

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas