Produtividade no trabalho: ser multitarefa triplica o risco de cometer erros

2 de maio de 2018 - Por

multitasking-produtividade-trabalho-01

quem ama, compartilha!

Foi-se o tempo em que ser multitarefa era sinônimo de produtividade no trabalho. O hábito de fazer várias atividades ao mesmo tempo – também chamado de multitasking – é cada vez mais rechaçado por especialistas em gestão de tempo. E eles podem ter razão: mais um estudo mostrou que ser multitarefa faz mais mal do que bem.

Cientistas do Instituto Nacional Francês de Saúde e Pesquisa Médica (INSERM), em Paris, usaram ressonância magnética funcional para analisar o cérebro de indivíduos fazendo duas tarefas ao mesmo tempo. Os resultados mostraram que, nestes casos, o cérebro “se divide” em dois, fazendo com que os participantes esquecessem detalhes e cometessem três vezes mais erros.

Além disso, desempenhar duas tarefas expressivas ao mesmo tempo diminui a produtividade e pode, ainda, acabar diminuindo o QI em 15 pontos, de acordo com um estudo da Universidade de Londres, no Reino Unido. Para que se tenha ideia, os participantes acabaram com o QI médio de uma criança de oito anos – também similar ao de quem fica acordado a noite inteira.

Como ser produtiva sem ser multitarefa?

Não é preciso fazer grandes mudanças na sua rotina para ser produtiva sem surtar ao fazer muitas coisas ao mesmo tempo. A seguir, reunimos as melhores dicas da Carol Sandler, coach financeira e fundadora do Finanças Femininas, para te dar uma força no seu dia a dia.

Priorize tarefas e compromissos

Veja tudo o que você costuma fazer durante a semana, quanto tempo você gasta com cada atividade e pense em tudo aquilo que você gostaria de fazer, mas nunca sobra tempo. Então, ao chegar o fim de semana, tire alguns minutos para programar os próximos dias de trabalho, por exemplo. Veja o que você já tem planejado e se aquilo é mesmo factível – considere até fatores como trânsito e o tempo que você leva para chegar nos seus compromissos.

multitasking-produtividade-trabalho-02

Cheque tudo aquilo que você anda fazendo no trabalho que não agrega valor e desmarque. “Agora pense no que você queria fazer, mas nunca consegue. Academia? Um jantar com as amigas? Ler aquele livro? Reserve tempo para essas atividades na sua agenda! Pense até nas suas tarefas no trabalho e em tudo o que você faz no dia-a-dia que poderia ser feito de uma forma mais eficiente. Seja prática”, aconselha Carol.

Adote a pausa para o cafezinho

Não espere trabalhar o dia inteiro com o mesmo gás e a mesma eficiência. Algumas pausas ao longo do dia são essenciais para você dar uma respirada e pensar em outras coisas. “Não precisa tomar literalmente um café – uma opção até melhor é aproveitar para alongar o corpo! Faça movimentos circulares com os ombros para ajudar a soltar aquela tensão acumulada. Na volta ao trabalho, você normalmente consegue organizar melhor o seu pensamento e se tornar ainda mais eficiente”, comenta.

Não cheque os e-mails o tempo todo

Não tem nada que acaba mais com a sua produtividade do que ficar respondendo todos os e-mails assim que eles chegam. Desta forma, você não consegue se concentrar em nada durante tempo suficiente para fazer um bom trabalho. “De preferência desligue as notificações dos e-mails – isto é, se você não está esperando nada com urgência – e foque no seu trabalho. Estabeleça períodos para responder todos os emails, na periodicidade que você preferir.”

Anote tudo o que você precisa fazer

Sua cabeça não serve para você ficar lembrando todas as tarefas que deve fazer. Isso consome uma energia enorme e vira uma fonte inesgotável de insônia. Você conseguirá criar um grande espaço mental se começar a anotar todas as suas obrigações.

“Anote sempre que lembrar de uma tarefa que precisa fazer, seja de trabalho ou o xampu que você não pode esquecer de comprar na volta pra casa. Assim você consegue liberar a sua cabeça para pensar em coisas muito mais importantes”, ensina. Para tanto, o bom e velho bloquinho é um grande aliado, assim como um dos diversos aplicativos que existem com essa função.

A Carol indica o Evernote, que funciona em PC, Mac, iOS, Android e Windows Phone. Porém, existem diversas opções – encontre uma que seja prática para você.

Fotos: Fotolia

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter! 

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

Ana Paula de Araujo
Ana Paula de Araujo
Repórter, produz o conteúdo multimídia do Finanças Femininas e é fã da Mulher Maravilha. Divide a vida de jornalista com a de musicista e tenta ajudar o máximo de pessoas nas duas profissões.
Fale comigo! :) anapaula@financasfemininas.com.br

Leia em seguida

perfeccionismo-no-trabalho-perfeccoinista-carreira 01

16 de janeiro de 2019

ATENÇÃO: o perfeccionismo pode estar atrapalhando sua carreira. Veja dicas práticas para deixar de ser tão perfeccionista e decolar no trabalho!

trabalho-temporario-final-de-ano-natal(1)

14 de novembro de 2018

Sonhando com um emprego? O fim do ano pode ser uma ótima para conseguir uma colocação no mercado de trabalho. Saiba quais atitudes você precisa tomar para aumentar suas chances de ser efetivada no trabalho temporário.

gestao-de-conflitos-divergencias-politicas-trabalho 01

7 de novembro de 2018

Boas doses de gestão de conflitos, escuta ativa e bom senso ajudam a lidar com estes conflitos no ambiente de trabalho. Veja outras dicas para se livrar das saias justas!

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas