Qual a diferença entre o salário bruto e líquido?

28 de abril de 2020 - Por

qual-diferenca-entre-o-salario-bruto-e-liquido-descubra

quem ama, compartilha!

Muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre a diferença entre o salário bruto e líquido. Há alguns detalhes que diferenciam os dois e entender isso é fundamental para não fazer confusão na hora de organizar as finanças.

Todas as pessoas que trabalham com carteira assinada recebem um valor cheio, o salário bruto, mas dele são descontados tarifas como INSS e o Imposto de Renda, que acabam diminuindo o valor final, que é o salário líquido. Quanto mais alto o salário, maiores serão os descontos devido ao Imposto de Renda.

Devo considerar o salário bruto ou líquido na hora de organizar meu orçamento?

A dúvida mais comum ao se fazer um orçamento é se devemos considerar o salário bruto ou o líquido. A sugestão é que você inclua os dois valores. Assim você sabe o quanto ganha, vê exatamente o quanto paga para o governo e consegue calcular o quanto realmente pode gastar. Além disso, sabendo dos descontos, você pode ficar motivada a ter um salário melhor ou a fazê-lo render cada vez mais.

Como montar uma planilha para organizar minhas despesas?

Ao saber quanto recebe por mês, faça a divisão do salário. Primeiro, separe todas as suas despesas fixas – água, luz, condomínio e aluguel – e quanto irá gastar. Em seguida, retire a quantidade que você utiliza com os gastos supérfluos e em tempos de crise, o ideal é reduzi-los ao máximo. Por último, separe o valor que você guarda todos os meses seja para a sua reserva de emergência ou outro investimento.

Fotos: Adobestock.

Gostou do nosso conteúdo? Clique aqui e assine a nossa newsletter!

Se você tem alguma dúvida sobre sua vida financeira ou uma boa história sobre dinheiro para contar pra gente, mande um e-mail!

quem ama, compartilha!

carolinaruhman
Carol Sandler
Carol Sandler é fundadora do Finanças Femininas, a maior plataforma online do Brasil de empoderamento feminino através da educação financeira. Apresenta o quadro "Carol, cadê meu dindin" semanalmente no programa SuperPoderosas, da TV Band. Autora do livro "Detox das Compras (Saraiva, 2017) e coautora do livro “Finanças Femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos” (Saraiva, 2015), junto com o economista Samy Dana. Estudou Jornalismo na PUC-SP e Economia e Relações Internacionais no Institut d’Études Politiques de la France, em Paris. Colunista do site da revista CLAUDIA e do portal Tempo de Mulher.

Leia em seguida

como-administrar-meu-dinheiro-5-dicas-para-comecar

21 de abril de 2020

Você já se perguntou: “como administrar meu dinheiro?” O primeiro passo é organizar todas as suas contas mensais. Leia mais dicas para colocar a vida financeira nos trilhos.

guia-para-cuidar-das-financas-na-crise-do-coronavirus

1 de abril de 2020

É primordial cuidar das finanças nesse momento de crise. Organização financeira e controle de gastos são necessários para atravessar esse período. Veja como manter a saúde financeira.

organizacao-financeira-8-dicas-para-controlar-suas-financas-pessoais

2 de março de 2020

O primeiro passo para ter organização financeira é montar um orçamento e saber o quanto você gasta para viver. Veja mais truques para controlar suas finanças pessoais.

SIGA O INSTAGRAM @financasfemininas